Fluido de freio: saiba quando trocar e porquê

O mecânico de um ouvinte contestou uma dica sobre a troca do fluido de freio. Para ele, não precisa trocá-lo. Mas, isso está incorreto

Por BORIS FELDMAN24/08/18 às 06h30

O fluido de freio não é como alguns outros que não expiram. É preciso ficar atento aos prazos para trocá-lo e evitar um problema maior para os ocupantes do automóvel.

[TRANSCRIÇÃO]

O ouvinte disse que o mecânico contestou uma dica que eu dei aqui da troca do fluido de freio. Ele alega que esse fluido não precisa ser substituído, assim como alguns outros como o da direção hidráulica ou do câmbio manual. É ledo engano. O mecânico tem razão em relação ao da direção hidráulica e do câmbio manual, porém fluido do freio tem que ser substituído a cada dois anos e não interessa a quilometragem. Pode ter sido de 10 mil ou de 100 mil quilômetros, a troca não é por quilometragem, mas por prazo.

Sabe por quê? Porque o fluido de freio é higroscópico, ou seja, ele absorve a umidade. Por isso, acabam se formando pequenas bolinhas de água junto do fluido. Lembrando que ao se pisar no freio, as temperaturas são elevadíssimas e que ele não pode ferver, se deixar que ser forme essas bolinhas de água junto ao fluido,  fatalmente a ebulição irá acontecer.

fluido de freio

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário