Mitsubishi Lancer sai de linha e dá adeus ao mercado brasileiro

O Mitsubishi Lancer era um sedã médio, que disputava mercado com os Honda Civic e City e permanecia em produção apenas por aqui

Por Boris Feldman24/01/20 às 06h15

Sessão obituário: registrou-se nesse início de ano o falecimento do Mitsubishi Lancer, um sedã que foi comercializado em todo o mundo, inclusive no Brasil, onde chegou em 2011.

Mas o modelo já chegou aqui meio atrasado, pois essa última geração já tinha sido lançada em 2007. Três anos depois de chegar ao Brasil como importado, ele passou a ser produzido, em 2014, na fábrica da Mitsubishi em Catalão (GO).

Era um carro, como outros Mitsubishi, de boa qualidade e vendido no Brasil na faixa de R$ 74 a R$ 80 mil. O Mitsubishi Lancer concorria na faixa dos sedãs médios, entre os Honda City e Civic. Mas ele foi envelhecendo, nem tinha o controle eletrônico de estabilidade, o ESC, e o Brasil foi o último país a produzi-lo, até o final do ano passado.

329939 762443 lancer hl t tom papp 3
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário