Motor a diesel está com a produção decadente no mundo

Depois de muitos anos ganhando o mercado, os motores a diesel já não estão com a corda toda. E algumas fabricantes já estão deixando ele de lado

Por Boris Feldman03/10/18 às 19h30

VW, Porsche e Volvo afirmaram que vão deixar o motor a diesel de lado para investir nos motores não poluentes.

[TRANSCRIÇÃO]

Depois de muitos anos ganhando o mercado, o motor diesel agora entrou em plena decadência. E o principal motivo é o custo para limpar suas emissões. O que inclusive provocou o tal Dieselgate, da Volkswagen tentar ludibriar o governo norte-americano manipulando o resultado de suas emissões.

Daí a Volvo já anunciou que vai abandonar brevemente os motores diesel. E agora a Porsche também diz que vai se concentrar em motores a gasolina, híbridos e elétricos.  Também a japonesa Honda acaba de anunciar que na Europa ela vai lançar uma nova geração do seu utilitário esportivo CR-V, mantendo a motorização a gasolina, porém substituindo o diesel por um modelo híbrido.

O Brasil, na década de 70, proibiu o diesel nos automóveis para reduzir a sua importação, que lhe custava preciosos dólares. Ou seja, atirou no que viu, acertou no que não viu.

motor a diesel
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário