Mundo virtual: marcas apostam em concessionárias digitais

Serão lojas sem automóveis no showroom, presentes apenas no mundo virtual. O cliente até poderá entrar no veículo, pelo óculos 3D

Por BORIS FELDMAN03/12/18 às 20h00

O mundo virtual não tardou a chegar nas concessionárias de automóveis, que não terão mais carros em seu showroom. Ou seja, adeus cheirinho de carro novo.

[TRANSCRIÇÃO]

A eletrônica provocou tantas modificações no automóvel, mas nada mudou no modus operandi das concessionárias. O mesmo showroom com os simpáticos vendedores e vendedoras e os automóveis expostos. Mas a partir dessa semana, tudo será diferente com a abertura da primeira concessionária Fiat digital, ou virtual. E dentro de mais alguns dias, também a Volkswagen terá uma concessionária nos mesmos moldes.

O cliente começa montando seu automóvel em telas com as opções de cores, de equipamentos e acessórios para ter uma noção de como ele será em termos visuais. Na etapa seguinte, ele faz uso dos óculos 3D para “entrar” no automóvel, perceber como é seu interior, o painel, comandos e o acabamento.

A rigor, uma concessionária sem automóveis no showroom, mas como vão resolver o problema do cheirinho do carro novo, hein?

Mundo virtual
Foto Laurie Andrade | AutoPapo

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário