Peugeot 408 e 308: modelos deixarão de ser importados para o Brasil

"A Peugeot, por sua vez, vai também se dedicar aos utilitários esportivos. Ela já produz aqui o hatch 208 e seu SUV 2008, e importa o 3008 e o 5008"

Por Boris Feldman26/02/19 às 06h15

O Peugeot 408 e o sedã 308 não serão mais importados para o nosso mercado. Péssimo desempenho nas vendas está entre os motivos.

[TRANSCRIÇÃO]

A PSA, holding francesa que detém as marcas Peugeot e Citroën, não está passando por seus melhores momentos no Brasil. Pois, ela deixou de investir durante alguns anos, faltou a atualização de modelos, ela perdeu concessionários e preciosos pontos de participação no mercado.

A primeira a reagir foi a Citroën, que lançou no final do ano passado o Cactus, um belo exemplar misto de utilitário esportivo com hatch. A Peugeot, por sua vez, vai também se dedicar aos utilitários esportivos. Ela já produz aqui o hatch 208 e seu SUV 2008, e importa o 3008 e o 5008.

Nem precisa dizer que o hatch 308 e seu sedã 408 estão no subsolo do gráfico de vendas. E, a PSA não vai mais importá-los da Argentina.

Peugeot 308 e 408
(Peugeot/Divulgação)
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário