Picape e SUV a diesel ou a gasolina?

Por BORIS FELDMAN10/05/18 às 21h30

Diesel ou a gasolina? Na hora de comprar uma picape ou um SUV sempre bate aquela dúvida se paga um pouco a mais e leva uma movida a diesel ou se poupa a grana e leva uma a gasolina. Afinal, qual é a melhor escolha?

[TRANSCRIÇÃO]

Como em Brasília ninguém tem dúvida de que o Brasil é o país mais inteligente do mundo, só aqui o uso do diesel no automóvel é proibido. A dúvida então, entre comprar um diesel ou um a gasolina, se restringe às picapes e alguns utilitários esportivos. Entre os dois têm sempre os pontos positivos e negativos, embora no Brasil tenha esse mito de que o diesel é sempre muito melhor, mas nem sempre. Suas duas principais vantagens: o quilômetro rodado custa muito menos e, por ser mais procurada, a picape diesel usada tem maior valor de revenda. Em compensação o motor diesel custa muito, muito mais que o gasolina e, pra compensar esse investimento a mais na hora de comprar a picape, ela tem que rodar no mínimo 10 mil quilômetros por mês.

A favor da gasolina:o investimento inicial é muito menor e a diferença de consumo em relação ao diesel vem diminuindo, porque os motores a gasolina estão passando por muitos aperfeiçoamentos e, injeção direta e turbina entre os principais. Outra vantagem do motor a gasolina é que ele sempre proporcionou uma dirigibilidade melhor. Ele é mais suave, tem melhor desempenho, mas aí veio o troco do diesel, porque ele também vem sendo aperfeiçoado, vibrando e poluindo cada vez menos. Não nas nossas picapes aqui no Brasil, mas na Europa já não se percebe diferença entre a dirigibilidade dos automóveis a diesel ou dos modelos a gasolina.

Diesel ou a gasolina

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

32 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Nilton assuncao 12 de maio de 2018

    Afinal em um Pais como o Brasil e melhor a diesel ou a gasolina

  • Claudio 12 de maio de 2018

    Tenho uma Trailblazer a diesel 2018. Maravilhosa. Faz 9 km na cidade e 14 na estrada. Tem 7 lugares espaçosos é muita tecnologia. Gasto a metade por mês doque quando tinha uma SUV a gasolina. O valor de revenda é muito maior que a gasolina. Acho que vale a pena. Economizo 600 reais por mês de combustível ( no ano 7.200) e vale 30% mais que a gasolina
    Não precisa andar 10.000 km por mês para valer a pena
    T

  • Fabio 12 de maio de 2018

    Tenho pickup a mais de 10 anos e todas foram a diesel , realmente no Brasil existe um mito que camionete tem que ser a diesel , é que curte pickup sabe que tem que ter 4×4 primeiro por questão de segurança segundo por revenda , mais todos os próprietarios e ex proprietário sabe que o seguro e altíssimo , falar em manutenção em carro a diesel é muito vago , trabalho com reparação automotiva e nunca , digo nunca tive problemas com minhas camionete já tive Frontier 2.8 , Hilux 3.0 , Frontier 2.5 , Dodge ram 5.9 e agora novamente Hilux 3.0 e nenhuma me deu despesas a não ser o óbvio , para quem pensa em carro a diesel para ficar pouco tempo para quem está sempre trocando de carro realmente não é uma boa compra ,so é bom negócio para ficar no mínimo 4 anos e 200.000 km lembrando que neste período ela vai levar uns 40.000 mil em IPVA e seguro ( rio de janeiro ) eu pessoalmente não abro mão de pick up a diesel ,

  • Antônio Vilson Silva 11 de maio de 2018

    Eu tenho um Jeep Renegade turbo diesel o melhor carro que eu possui até hoje não é porque é o Renegade é porque ele é diesel, quem fala mal do carro a diesel porque não possui ou ainda!!!!! Se o diesel não tivesse vantagem acima da gasolina e do etanol caminhão seria a gasolina ou etanol !!!

  • Camilo Pimenta 11 de maio de 2018

    Todas tem prós e contras mas na minha opinião se vc roda pouco compensa ter uma pick up flex pois pra ter uma diesel vai ter que pagar mais de trinta mil na diferença de preço ( carro novo) outra coisa a manutenção da diesel e caríssima se optar por um carro mais velho mas aí vai de gosto e bolso!

  • Elton Reis rodrigues 11 de maio de 2018

    Boa noite em 2013 comprei uma Nissan zero e segunda que possuo carro a disel tem manutenção um pouco mais caro mais tenho o conforto de andar o tempo com ar ligado onde seu consumo e 9km por litro em média e tenho conforto nas ultrapassagem em subida pesada ou leve deixando qualquer picape a gasolina para trás.quanto ao seguro sempre paguei em torno de 2600.00 pois tenho apólice velha.ja andei 290000 mil km gastei até hoje de mecânica cerca de $9000.00 achei pouco pelo tanto que andei.troquei simplesmente 2 mangueira do turbo uma embreagem um cubo de roda um par de amortecedor dianteiro e um radiador e duas bandeja tudo comprado no paralelo.estou muito satisfeito até agora estou pensando em comprar outra 4×4.

  • Luiz 11 de maio de 2018

    Que reportagem. Ruim. Aliás péssima. É só fazer conta a picape diesel é muito mais barata que a flexibilidade, pois não desvaloriza. A economia só abastecer é lucro direto, não tem que amortizar nada. Mas o repórter é preguiçoso demais pra fazer essa conta

  • PER C 11 de maio de 2018

    Reportagem ,,, sofrível, sem conclusão fraca

  • Francisco Aguiar 11 de maio de 2018

    Não vi comentários sobre a revenda. Pode até ser difícil tirar a diferença inicial só no consumo de combustível se você não roda 10mil km por mês. Mas na hora da revenda, o diesel comprado por 150k você vende por 140k. O flex comprado por 120k você vende por 70k na marra. Ou seja, mesmo não rodando 10mil km por mês o diesel pode ainda ser muito mais vantajoso do ponto de vista de economia.

  • Paulo Roberto da Cunha Bueno 11 de maio de 2018

    É. Disseram, Disseram, disseram e nenhuma conclusão pro leitor ou consumidor de carros. Cultura inútil

  • Silas 11 de maio de 2018

    Tenho uma hilux 2006 3.0 automática a diesel esta com 250.000km o motor está novo anda roda mais 700.000 está e a vantagem.

  • Antonio N. Neves 11 de maio de 2018

    Na época da D20, a própria GM fez um estudo no qual apontava que para a pick-up dirsel ser vantajosa, teria que rodar no mínimo 15.000/Km mês. Já tive Hilux SW4 a diesel, e com o valor anual do seguro na época, dava para comprar um Escort Hobby com 3 anos de uso. Resumindo: Somando-se custo do veículo, manutenção, seguro e risco de furto, melhor opção é gasolina.

  • Edward Moreira gomes 11 de maio de 2018

    Tô no diesel e não abro, mais confiável espaçoso, tenho uma hilux 3.0 diesel e não abro mão, e rodar no macio dez.

  • Laércio 11 de maio de 2018

    Com a diferença mínima entre diesel e etanol/gasolina, ainda mais pelo meu pouco uso, mesmo diário, a picape flex supre c folga na cidade, pela economia geral, robustez e conforto(silencioso). Sobra arrojo.

  • Emerson 11 de maio de 2018

    Bom eu prefiro a flex, tenho uma Ranger 2018 e na rota Curitiba/ São Paulo o combustível mais econômico no posto é o etanol.
    Não compraria nunca uma a diesel.

  • Edson 11 de maio de 2018

    Na opinião caminhonete a diesel hoje no Brasil é inviável,tem que andar muito pra tirar a diferença, o diesel está muito caro, antigamente o diesel era metade do preço da gasolina,o que fazia valorizar as picapes a diesel,mais hoje no preço que tá o diesel acaba não compensando, diesel é barulhento, manutenção cara,

  • Luciano 11 de maio de 2018

    É a mais pura verdade

  • Giovani Tavares 11 de maio de 2018

    Falou tudo mas não disse nada…. No final o que interessa é: qual você quer comprar? Ao pé da letra a escolha deveria ser pela aplicação. Por aqui adotou-se caminhonetes como veículos de passeio sendo assim o motor a gasolina atenderia e muito. Para sua real aplicação, que é o trabalho, não se discute que o diesel e a melhor opção considerando transporte de materiais. Em uma conta sem fundamento considerando: Consumo médio D/G 9,0/6,9 (na cidade pior caso), preço médio do combustível D/G R$4,37/R$3,69, Valor do veiculo 4×4 aut: R$162.800/R$135.770, rodando em média 10.000km/ano conforme a reportagem se levaria quase 12 anos para se empatar o investimento, sem contar manutenção mais cara, seguro mais caro, etc para os veículos diesel. Atualmente o diesel vem sendo banido pelo alto nível de poluição na Europa tanto pelas montadores tanto pelos países. Então….pesar o status ou investimento.

  • Marcelo Nunes 11 de maio de 2018

    Olha desde pequeno sonhava ter uma caminhonete e ja tive 1 s10 e 4 Toyota todas a Diesel
    Por várias vezes pensei em compra uma Flex, mas no Brasil temos essa cultura de caminhonete tem que ser diesel, isso vem mudando aos poucos,
    É assim concordo com o Robson
    Quem anda na diesel e puder ter não compra outra…

  • Rodolfo 11 de maio de 2018

    Se existisse carro a diesel no Brasil eu compraria mesmo eu rodando “pouco” … rodo 5000 km por ano. Pois motor diesel dura muito mais que motor a gasolina. Já sou tiozão, então não corro com o carro, então não me interessa um carro a gasolina que anda a 240 km/h se eu só ando no máximo a 100 km/h hoje em dia.
    Hoje meu lema é:
    “Ando devagar porque já tive pressa…”
    Tocando Em Frente – Almir Sater & Renato Teixeira

  • Marcelo Carriel 11 de maio de 2018

    Olá Boris Feldman e queridos amigos! Eu sou do tempo em o Diesel era usado só naquelas peruas Kombi velhas da VW! E também nos caminhões Mercedes, Volvo, Fnm e Ford e Dodge! Carro a Diesel nem pensar! Nem em sonhos! Não tinha esse SUVs de hoje! Mas temos que reconhecer que o preconceito contra o Diesel no Brasil ainda é grande. Mas está acabando. O Diesel sempre foi um aliado do bolso do motorista brasileiro. Porque os preços da gasolina e do álcool em terras brasileiras são Astronômicos! Um grande abraço a todos! Fiquem com Deus.

  • IndioBravo 11 de maio de 2018

    Tá faltando comparar os custos de manutenção ao longo de uns 200 mil km. Os diesel e gasolina modernos e trubinados tem componentes caríssimos e problemáticos associados à injeção direta de alta pressão.

  • Anton 11 de maio de 2018

    Braz dos Santos
    Você também é uma ameaça à língua portuguesa e mesmo assim ninguém quer elimina-lo.

  • José 11 de maio de 2018

    Os textos de Boris Feldman têm sido muito frequentemente assim: excelentes manchetes, mas texto bem fraco, curto, sem argumentos sólidos e sem desfecho nenhum. Bem insatisfatório e ruim.

  • Nelson Roberto Cancellara 11 de maio de 2018

    O perfil do petróleo processado pelo Brasil é pobre na fração correspondente ao Óleo Diesel, sendo assim predominam as frações correspondentes a gasolina. Na Europa o Diesel é muito abundante e tem características muito superiores ao nosso. Dessa forma é por isso que a política adotada pelo governo se inclina para o consumo da gasolina, que pode ainda ter o custo minimizado com a mistura de álcool.

  • José Antonio 11 de maio de 2018

    Em 2011 tinha a opção de comprar um carro de 60 mil zero km., Mas qualquer carro após dois ou três meses vira a mesma coisa. Perco aquela sensação gostosa de quem tem uma novidade na garagem.
    Veio a idéia de comprar uma caminhonete. Comprei uma Mitsubishi L200 Outdoor 2009/10 com 20 mil km ( r$ 75.000 ) . Financiei 10 mil em 12 x .
    (Sempre compro um carro um pouco acima do que posso, assim pego um carro um ou dois anos mais novo )
    Hoje minha japinha está com 68 mil km . Só gastei nela as trocas regulares de óleo e filtros e 150 reais na substituição de uma mola rompida, provavelmente por falta de uso .
    E melhor de tudo : Ainda tenho a sensação de entrar em um carro que comprei semana passada ! É um veículo incrível !

  • Braz dos santos 11 de maio de 2018

    Carros a gasolina ainda são menos prejudicial para o meio ambiente temos que eliminar carroz a diesel

  • José Antonio 11 de maio de 2018

    Realmente incompleta ! Quase um prólogo .

  • Sergio. 11 de maio de 2018

    O problema do incentivo do carro a Diesel no Brasil e que o lucro que o país tem com a implantação da álcool combustível para nossos veículos é imensa, com isso nossas melhores e mais produtivas terras estão cobertas com cana, para parte produção de açúcar e álcool, com isso o Brasil está bloqueado incentivo para diminuir essa alta diferença de preço entre um carro Flex e um carro a Diesel, quando o governo brasileiro se desprende desse etanol tudo pode mudar, outro Exemplo: na região de Salto e Itú interior de SP um pai e filho inventaram um motor movido a água, foi mostrado na tv, só que o governo brasileiro não tem interesse nisso.

  • Marcos Vinicius 11 de maio de 2018

    Carro a Diesel são carros fortes e confiável pessoas que são apaixonado por carros sempre sonho com um carro a diesel como eu . Estou muito satisfeito com o meu carro movido a Diesel .

  • Robson 11 de maio de 2018

    Manutenção meus caros…
    quem usa uma pick-up a diesel ñ volta para a gasolina..

  • Paulo Norberto 10 de maio de 2018

    Reportagem bem incompleta… que pena…. poderia ter sido excelente… não pagou o tempo perdido pela leitura…..

Deixe um comentário