Diferenças nos itens da garantia do carro

Cada componente pode ser coberto por um período diferente

Por BORIS FELDMAN29/03/18 às 16h50

O período de cobertura varia de acordo com os itens da garantia do carro.

Um ouvinte do AutoPapo diz ter um automóvel Hyundai, comprado há 4 anos, com um defeito no aparelho de som. Ele foi à oficina da concessionária e o gerente alegou que ele não tinha mais direito à garantia, pois vários equipamentos, inclusive o som, não têm os mesmo cinco anos anunciados. O gerente deu alguns exemplos: peças de desgaste natural como pneus, embreagens, pastilhas de freio e outras têm apenas três meses de garantia. O aparelho som, do qual o cliente reclamava, contava com apenas três anos de cobertura. Já a bateria tem o limite de um ano.

O proprietário, então, pergunta: a fábrica pode anunciar cinco anos de garantia para o automóvel, mas reduzir o tempo de cobertura para alguns componentes? Pode. O que o Código de Defesa do Consumidor determina é uma garantia de três meses. Qualquer prazo superior a este, para todo o automóvel ou para alguns componentes, é uma decisão mercadológica do fabricante.

itens da garantia do carro prazo de cobertura

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário