Até 2023, automóvel terá que adotar novos equipamentos de segurança

Em 2020 todos os automóveis deverão sair de fábrica com alguns itens fundamentais de segurança. Mas, em todos os carros, só em 2023

Por Boris Feldman05/08/19 às 19h30

Um leitor do AutoPapo se diz preocupado ao perceber que equipamentos básicos de segurança do automóvel, como as barras nas portas para proteger os ocupantes no caso de um impacto lateral, ainda não são obrigatórios no Brasil.

Mas, ele já está sabendo que vários destes equipamentos de segurança do automóvel serão obrigatórios a partir de 2020. Sim, serão, só que em etapas. Por exemplo, em 2020 todos os automóveis deverão sair de fábrica com o sistema Isofix para a fixação da cadeirinha, cinto de segurança de três pontos e também o apoio para cabeça no centro do banco traseiro.

Mas alguns outros equipamentos de segurança do carro, inclusive as tais barras laterais de proteção, serão obrigatórias em 2020 apenas para os novos modelos. Para todos os carros, só em 2023.

cinto de seguranca
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário