Tiggo 7: SUV da Caoa Chery é moderno, mas peca em certos detalhes

"O design do Tiggo 7 é muito moderno, com design muito bem acabado, junto com o espaço do banco traseiro que é campeão do segmento"

Por Boris Feldman27/02/19 às 06h15

O Tiggo 7 é o mais sofisticado SUV da Caoa Chery. O utilitário chega com um interior moderno e espaçoso e um bom conjunto eletrônico. Mas, a esportividade…

[TRANSCRIÇÃO]

A Caoa acaba de apresentar o maior e mais sofisticado utilitário esportivo da Chery: o Tiggo 7. O SUV concorre no mesmo segmento que o Jeep Compass e é vendido em duas versões por 107 ou 117 mil reais. Seu motor é o 1.5 turbo de 150 cavalos e o câmbio automático é o chamado estado da arte, do tipo dupla embreagem.

O design é muito moderno, com o interior muito bem acabado e um destaque para o espaço no banco traseiro, campeão do segmento. Em termos de parafernália eletrônica, ele também não fica a dever a outros SUVs mais caros. Seu desempenho satisfaz, mas não a quem pede esportividade; e ficam faltando as aletas sob o volante para cambiar as marchas.

Veja aqui as minhas impressões do Chery Tiggo 7

Tiggo 7
Tiggo 7
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (3 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
10 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Luis 27 de fevereiro de 2019

    Carro é show de bola uma grande evolução, prometo Chery compra um qdo o motor for injeção direta pra gastar menos combustível. Mas o carro e MT lindo parabéns.

  • Avatar
    Christian da Silva Machado 28 de fevereiro de 2019

    Os jornalistas estão sempre procurando um furo, nao tem, quem hoje pode ou consegue dirigir esportivamente?? Com limite de 60 km/h dentro da cidade e 110 em rodovia vc quer mais e um bom cambio automático num carro confortável e económico na medida do possível e rezar pra não tomar multa. Aletas ??? Mais uma bobagem, ninguem usa, só os repórteres pilotos. E olha que spu fã de esportivos.

    • Avatar
      Bruno 28 de fevereiro de 2019

      Rapaz… Falou tudo, não digo mais nada!!

    • Avatar
      Joaias Nogueira Cherubino 28 de fevereiro de 2019

      Eu uso sempre as aletas no volante sim, não por esporte mas por segurança em ultrapassagem em estradas faltou sim e o Bóris sabe muito bem oq está dizendo.

    • Avatar
      OSMAR SANTOS 2 de março de 2019

      Ele não tinha o que criticar o carro e veio com essa.

  • Avatar
    EDINEI MENESES 28 de fevereiro de 2019

    Eu uso as aletas no volante e muito, dar mais agilidade em retomadas de velocidade, uso sempre na cidade as aletas no volante, agora se o Tiggo 7 faltou apenas isso, então o carro está bem aprovado!

  • Avatar
    Marcelo Carreiro 28 de fevereiro de 2019

    Não acho a falta de aletas algo crucial na categoria. Mas reconheço que a concorrência oferece.

  • Avatar
    Sidnei 28 de fevereiro de 2019

    nao importa o que os outros falam eu amei mais nao tenho condicoes

  • Avatar
    José Roberto 1 de março de 2019

    Não uso as aletas, até porque um motor com este torque é só pisar fundo no acelerador e pronto viajo bastante com meu corolla e prefiro o acelerador

  • Avatar
    Pablo 21 de março de 2019

    eu fiquei entre ele e o vitara, optei pelo vitara 1.4, mais o conforto ao digirir o tiggo 7 foi melhor, o que me fez escolher o vitara foi a economia e a confiança da marca, vou esperar mais um pouco, quem sabe no final do ano não troco o vitara pelo tiggo 7.

Avatar
Deixe um comentário