[Vídeo] Mustang chega na versão Premium por R$ 299,9 mil

Esportivo da Ford começa a ser vendido no Brasil em versão única, com carroceria cupê, motor 5.0 V8 de 466 cv de potência e câmbio automático de dez velocidades

Por AutoPapo04/04/18 às 12h40

A Ford finalmente cumpriu sua promessa. Após quase quatro anos informando que comercializaria o Mustang no mercado brasileiro, a marca finalmente começou a importá-lo. O esportivo chega na versão única Premium, com carroceria cupê e motor 5.0 V8, capaz de desenvolver 466 cv de potência e 56,7 kgfm de torque. O preço é de R$ 299,9 mil: é alto, mas ainda cerca de R$ 10 mil mais baixo que o do arquirrival Chevrolet Camaro.

O Mustang está atualmente na sexta geração e desembarca no país já com um face-lift adotado justamente na linha 2018. Na safra atual, o ícone da Ford adotou, pela primeira vez, suspensão traseira independente do tipo multilink, amortecedores adaptativos e direção elétrica. Porém, características técnicas como a tração traseira e a carroceria com estilo fastback foram mantidas.

O motor V8 também exibe tecnologias até então inéditas, como duplo sistema de injeção eletrônica, direta e indireta, e duplo comando de válvulas variável, para maximizar a performance em todas as faixas de giro e melhorar os índices de emissões de poluentes. Ele atua em conjunto com um câmbio é automático de dez velocidades.

Versão Premium tem múltiplos recursos

O motorista pode ajustar a atuação da suspensão, do acelerador e da direção por meio de um seletor com sete modos de condução, deixando o veículo mais esportivo ou mais confortável. É possível também limitar o ronco do motor, inclusive na hora de ligá-lo, para não incomodar os vizinhos, por exemplo.

Ford Mustang chega ao Brasil na versão Premium, com motor 5.0 V8 de 466 cv

Por dentro, foram adicionados equipamentos mais contemporâneos, entre os quais uma central multimídia com tela de oito polegadas compatível com interfaces Android e Carplay, com comandos de voz em português brasileiro, e sistema de som de alta fidelidade com 12 alto-falantes. O Mustang ainda adotou um quadro de instrumentos digital e personalizável, composto por uma tela de 12 polegadas.

Segundo a Ford, o cupê é capaz de acelerar de zero até 100 km/h em apenas 4,3 segundos e de atingir a velocidade máxima, limitada eletronicamente, de 250 km/h. Os pneus são montados em rodas de 19 polegadas e há uma função de pré-aquecimento para os traseiros, que facilita a vida do motorista que gosta de queimar borracha em burnouts.

Fotos Ford | Divulgação

5 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Edson Santos 29 de junho de 2018

    Sem dúvidas ficamos a merce de impostos sobre o produto, impostos que não vão pra lugar nenhum e nem é aplicado em diversas áreas necessitas que o país precisa.

  • Andre 4 de abril de 2018

    Com essa mesma quantia compra se dois apartamentos na planta e valori sa se cada vez mais ja o carro saiu da loja perde o valor

  • Andre 4 de abril de 2018

    Sabe por que veiculo no Brasil é muito caro ?
    Pq brasileiro paga! Simples assim é um ponto de vista apenas mas parem pra pensar ao invez do governo incentivar o trbaæhador a comprar carros novos pagaram menos impostos é o oposto paga se mais impostos sob veiculos novos taxas e mais taxas fora seguro e documentaçao se vc compra um veiculo novo e esse mesmo veiculo novo no valor medio de 40.000 esse valor sobe para aproximadamente entre taxas e documentaçao e seguro para 47.000 isso sem juros no caso do financiamento agora esse mesmo veiculo comprado com um ano de uso sai em torno de 30.000 ja com documentaçao e as vezes com seguro tb enta fica a questao compensa mesmo comprar um carro zero no Brasil ?

  • Uelitin Alves 4 de abril de 2018

    O valor não é tão absurdo assim, aja visto que a versão é top e tera garantia do fabricante no Brasil, ridiculo é o valor que alguns importadores estão pedindo no Dodge Challenger Demon R$ 850 mil Temers.

  • roberto 4 de abril de 2018

    tudo bem….é um belo carro, más R$ 299.000,00 não vale mesmo……..nem ele nem o tal Camaro vale o valor que é vendido. como sempre o brasileiro paga mais caro por um produto barato em outros paises.

Deixe um comentário