Novo Honda CR-V chega em abril por R$ 179,9 mil

Quinta geração do SUV será vendido no Brasil unicamente na versão top de linha Touring, que traz tração integral e motor 1.5 turbo a gasolina de 190 cv de potência e 24,7 kgfm de torque

Por AutoPapo16/03/18 às 14h19

A Honda não desistiu de vender o CR-V no Brasil: após um hiato de aproximadamente um ano, o SUV retornará ao mercado nacional a partir de abril. Agora em sua quinta geração, o modelo será vendido em versão única: no caso a top de linha Touring, pelo preço sugerido de R$ 179,9 mil. Trata-se de um reajuste significativo, uma vez que a versão EXL, top de linha da geração anterior custava R$ 148 mil.

Nova geração do Honda CR-V chega ao Brasil em abril

Esse aumento de no valor de compra deve-se, em grande parte, à mudança de seu país de origem: antes trazido do México, que tem acordo comercial com o Brasil, o CR-V agora virá dos Estados Unidos. Por isso, vai pagar alíquota cheia de imposto de importação, que é de 35%. Em sua terra natal, o preço sem tributos é de US$ 34.050, valor que corresponde, em conversão direta, a cerca de R$ 110 mil.

Ao menos na parte mecânica, o SUV da Honda terá um bom upgrade. O motor 2.0 aspirado da antiga geração deu lugar a um 1.5 com turbo e injeção direta. Trata-se do mesmo propulsor do Civic Touring, mas com calibragem  eletrônica distinta, que o tornou mais forte: em vez dos 173 cv de potência e dos 22,4 kgfm de torque do sedã, ele desenvolve 190 cv a 5.600 rpm e 24,7 kgfm entre 2.000 rpm e 5.000 rpm.

O câmbio automático também mudou: o sistema epicíclico com cinco velocidades deu lugar a outro do tipo CVT. No caso da versão Touring, a transmissão inclui também um sistema de tração integral com funcionamento sob demanda, que pode distribuir até 40% da atuação para as rodas traseiras. No mais, o veículo mantém a direção com assistência elétrica e o conjunto de suspensões independentes do tipo McPherson na dianteira e multibraços na traseira.

De acordo com a Honda, a nova geração do CR-V ficou mais espaçosa. O fabricante anuncia acréscimo 5,3 cm no vão destinado às pernas dos ocupantes traseiros e de 24,8 cm no comprimento total do compartimento de carga, com os bancos traseiros abaixados, em relação à geração anterior. O vão livre do solo foi aumentado em 3,8 cm, chegando a 20,8 cm.

Já andamos no CR-V! Confira:

CR-V ganha equipamentos

O novo CR-V também terá equipamentos inéditos, entre os quais faróis full-LED, quadro de instrumentos digital com tela TFT, head-up display e tampa do porta-malas com abertura e fechamento elétrico com acionamento gestual. Há também uma  central multimídia com tela touch de sete polegadas, compatível com sistemas Apple CarPlay e Android Auto e GPS.

O SUV trará também partida remota do motor, ar-condicionado digital de duas zonas com saídas de ar traseiras, freio de estacionamento elétrico, tomadas USB para recarga na traseira, teto solar e banco do passageiro com regulagem elétrica e quatro funções. O do motorista acrescenta o dobro de funções e memória.

Entre os itens de segurança, há um sistema que a onda chama de Lane, que mostra, por meio de uma câmera, uma imagem em ângulo de 80º das laterais do veículo na tela multimídia, quando o motorista aciona a seta. Isso significa uma ampliação de aproximadamente quatro vezes em relação ao ângulo de visão proporcionado pelos retrovisores.

O CR-V é equipado também com seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois de cortina), sistema Isofix de fixação de cadeirinhas, freios ABS ce controles eletrônicos de vetorização de torque, de tração e estabilidade, além de sistema de monitoramento da pressão dos pneus.

Fotos Honda|Divulgação

Veja mais sobre:


1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Fabio 2 de Abril de 2018

    Carro lindo, tenho uma 2012, gosto muito e pretendo ver essa nova,pena que o preço esta alto demais

Deixe um comentário