O que significam e como ficarão as cores das placas de carro

A combinação de cores das tarjetas explica a natureza da utilização dos veículos; placas padrão Mercosul apresentam menos variações

Por AutoPapo 29/08/18 às 12h30

Os motoristas aprendem, nas autoescolas, o que significam as cores das placas de carro. Passados os exames, nem todos lembram o que as combinações representam. A partir de dezembro, com a adoção das placas padrão Mercosul, ficará ainda mais difícil reconhecer as categorias dos automóveis pelas cores das placas de carro, já que os parâmetros serão alterados.

O modelo atual figura nas ruas brasileiras desde 1990, quando o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) implementou as três letras e quatro números. Para facilitar o seu entendimento, descrevemos as categorias e a utilização correspondente das cores das placas de carro atuais e como elas ficarão no novo padrão.

No padrão atual, o que significam as corres das placas de carro

Cores Categoria Utilização
Preto e cinza Particular veículos dos cidadãos brasileiros
Vermelho e branco Aluguel veículos de transporte público e aluguel
Verde e branco Fabricante veículos em testes
Branco e vermelho Aprendizagem veículos de autoescola
Branco e preto Oficial veículos de órgãos federais, estaduais e municipais
Cinza e preto Coleção veículos com idade superior a 30 anos de fabricação, que se apresentem em estado de originalidade
Branca e azul Missão Diplomática* utilizada por autoridades internacionais.
Dourado e preto Representação veículos oficiais de autoridades

* Missão Diplomática | Corpo Consular | Organismo Internacional | Organismo Consular / Internacional | Acordo Cooperação Internacional

As cores das placas de carro variam de acordo com a categoria do veículo. Padrão vai mudar com a adoção do modelo do Mercosul. Saiba como ficarão.

As cores das placas de carro no padrão Mercosul

Cores Categoria
Preto e branco Particular
Azul e branco Oficial
Vermelho e branco Comercial
Verde e branco Especial
Dourado e branco Diplomático
Cinza prata e branco Colecionador

Placa de colecionador não será mais preta

Os entusiastas perderão, ao longo dos anos, as tão estimadas placas pretas. Isso porque os veículos de coleção não adotarão mais a combinação característica de cores das placas de carro antigo. Todavia, automóveis com mais de 30 anos continuarão contando com um padrão específico, com números em cinza sobre fundo branco.

A placa de colecionador serve para distinguir os modelos de valor histórico dos demais. Entretanto, o maior motivo para adotar a placa preta é a realização pessoal: “Os proprietários ficam muito emocionados, principalmente os de carros que estão na família há muitos anos. As pessoas comemoram a aprovação na vistoria como se tivessem passado no vestibular”, afirma Luis Augusto Malta, diretor técnico do Clube de Veículos Antigos de Minas Gerais (CVA-MG).

As cores das placas de carro variam de acordo com a categoria do veículo. Padrão vai mudar com a adoção do modelo do Mercosul. Saiba como ficarão.
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
6 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Infinito Particular 24 de janeiro de 2019

    Que tal nós internautas e brasileiros investigarmos o que as empresas autorizadas para fabricar as placas do padrão Mercosul? Algumas da lista tem denúncias de corrupção, fraude etc. Mais uma vez, em vez de pagar R$ 25 por uma placa, teremos que pagar R$ 250, alguém tem dúvida? O mais interessante é que não há informação transparente sobre essas empresas, meios de comunicação até erraram o nome de algumas, o que dificulta a busca de informações. Eu sou contra esse emplacamento por saber que é mais uma maneira de os políticos favorecerem certas empresas e ganharem dinheiro com isso.

    1 Emplac  DF
    2 Promac  MG
    3 Mercantil MG
    4 Utsch  RJ
    5 Placasil SP
    6 Centersystem SP
    7 JKG PR
    8 CSSB  PR
    9 Blanks  SC
    10 Coral SC
    11 Rio-Grandense Unida RS
    12 WV de Souza GO
    13 Master Placas GO
    14 Tecplac  CE

  • Avatar
    Paulo Jorge 23 de novembro de 2018

    Gente, a sequencia atual das placas está acabando, uma vez que, a placa nasce e morre no veículo. Não sei se a Mercosul hoje seria viável, o governo poderia viabilizar meios de resgatar as placas de veículos que já foram dado baixa por perda total. No entanto, a placa Mercosul é muito mais segura do que a atual pois usa um QR code como rastreamento da hora que é fabricada até chegar ao seu carro, só quem já teve a experiência de ter um carro clonado sabe o quão importante são essas adaptações para maior segurança.

  • Avatar
    Carlos 18 de setembro de 2018

    Cara este Brasil é uma * mesmo… Governo corrupto do *…por isso que este país não vai para frente

    EDITADO

  • Avatar
    João Carlos 30 de agosto de 2018

    Brasil, maior país da América do sul, se sujeita aos outros. No fim quem vai pagar a conta são os Milhões de proprietários que estarão sujeitos às novas normas. Haverá um dia que de fato seremos soberanos.

  • Avatar
    Welton Pinheiro Dias 30 de agosto de 2018

    Mais um instrumento para tirar dinheiro do povo que ja não suporta más tantas cobranças.
    São os combustíveis que aumentam toda semana.
    A energia elétrica que tem 20 bandeiras vermelhas .
    Não tem emprego para todos.
    A educação e a saúde falidas.
    A segurança nem precisa falar .
    Um governo que aumenta em $10.000 seus próprios salários e congela investimento na educação.
    Faz presídio más não faz escolas.
    Por isso.que ta cheio de grupos criminosos espalhados pelo país.
    Esses são os que não aceitam ser taxados por minoria corrupta que apodrecem o brasil.

    • Avatar
      Alexsandro 30 de agosto de 2018

      Concordo plenamente, já estou saturado com tanta hipocrezia nesse país.

Avatar
Deixe um comentário