[Recall] FCA convoca Wrangler e 300C por problemas nos airbags Takata

Solução apresentada foi a substituição dos infladores dos airbags dianteiros de 531 unidades; falha oferece risco de morte

Por AutoPapo19/03/18 às 14h23

A Fiat Chrysler Automóveis convocou recall de 531 unidades dos modelos Wrangler e 300C. Os Jeeps 2013 e os Chryslers 2009 e 2010 apresentam falha nos airbags dianteiros, que são da marca Takata. De acordo com a FCA, uma possibilidade de degradação do deflagrador foi constatada. O problema seria desencadeado por variações elevadas de temperatura e exposição à umidade absoluta. No caso de acidentes, fragmentos metálicos do deflagrador podem atingir os passageiros e causar danos físicos graves, incluindo morte. Os atendimentos para substituição do inflador da bolsa do airbag começam nesta segunda-feria (19) e duram em média uma hora.

Veja abaixo, os chassis não sequenciais envolvidos no chamamento:

JEEP Wrangler

Airbags Takata continuam apresentando problemas. Agora é a vez da FCA convocar 531 unidades dos modelos Wrangler e 300C para recall das bolsas de ar.

222 unidades

Ano de produção | modelo: 2013

Chassis  512236 a 680604

Reparo: Substituição gratuita do inflador da bolsa do airbag do lado do passageiro

CHRYSLER 300C

Airbags Takata continuam apresentando problemas. Agora é a vez da FCA convocar 531 unidades dos modelos Wrangler e 300C para recall das bolsas de ar.

309 unidades

Ano de produção | modelo: 2009 a 2010

Chassis  102973 a 509904

Reparo: Substituição gratuita do inflador da bolsa do airbag do lado do motorista

Para mais informações e agendamentos entre nos sites da Jeep e Chrysler ou ligue nos telefones 0800 703 7150 (Jeep) e 0800 703 7130 (Chrysler).

Não foram só os modelos Jeep e Chrysler (Wrangler e 300C) que apresentaram problemas. O Recall dos airbags Takata foi o maior da história automobilística. Até a presente data, 19 mortes foram comprovadamente causadas pelos dispositivos de segurança da marca. Outras 200 pessoas se feriram por causa da explosão das bolsas de ar. O número de convocações não atendidas no Brasil, no entanto, chama atenção: 84% dos recalls de airbag não foram realizados.

Fotos Divulgação | Fiat Chrysler Automóveis


VEÍCULOS RELACIONADOS

Veja mais sobre:


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário