Câmbio automatizado de dupla embreagem é realmente bom?

Os câmbios automatizados não têm uma troca de marchas suave e davam muitos 'trancos'. Mas, esse tipo de caixa com dupla embreagem a história é outra

Por Boris Feldman12/04/19 às 06h15

O I-Motion, Easy’R, Powershift e Dualogic são nomes de câmbios que não deixaram saudades. Mas, e os câmbios automatizados de dupla embreagem? Será que são bons de verdade?

[TRANSCRIÇÃO]

Eu recebi um puxão de orelha de um leitor, por sinal muito bem dado. Ele tem toda a razão ao criticar o que eu disse num programa a respeito do fim do câmbio automatizado, de que ele já estava indo tarde. Eu me referia aos câmbios automatizados da Fiat, o Dualogic, o da Volkswagen, o I-Motion, o Easytronic da GM e o da Renault, o Easy’R. Todos eles abandonados e substituídos pelo automático convencional.

E o puxão de orelha foi porque eu não mencionei os automatizados de dupla embreagem, que funcionam sem tranco nem soluço. Esse tipo de câmbio, trata-se de um projeto mais moderno, e por isso, ainda melhor que o automático convencional. Entre eles, têm o DSG da Volkswagen, o PDK da Porsche e outros da Hyundai e da Chery. O único dupla embreagem que deu problema, não por um erro conceitual, mas de projeto, foi o Powershift da Ford. Ele vazava óleo, prejudicando seu funcionamento.

câmbio automaizado dsg
câmbio dsg
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (4 votos, média: 4,50 de 5)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
10 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    José Marcos Reis 8 de junho de 2019

    Prezado Boris, afinal este câmbio do Golf 1.4 DSG 7 é ou não é problemático? Jã tive um Audi A3 Sportback com este câmbio e com cerca de 12.000 Km ele caiu no neutro mas voltou ao normal depois.

    • Avatar
      Eduardo Pereira da Silva 10 de outubro de 2019

      TENHO PRA MIM, QUE PODE TER SIDO FALTA DE ÓLEO, OU SEJA: UM POUCO ABAIXO DO MÍNIMO PERMITIDO PARA RODAGEM !

  • Avatar
    Anderson 12 de abril de 2019

    Não tenho reclamações do dualogic. É apenas questão de se adaptar. Eu deixo no modo auto e troco na alavanca quando quero, faço intervenções quando acho necessário. Simplesmente é um 3ª via. Há os manuais, os automáticos e os automatizados. É razoável pensar que cada um tem um nicho, um não se sobrepõem ao outro, só dá para comparar um automatico com outro, um manual com outro e um automatizado com outro.

  • Avatar
    Marcelo Simoes 12 de abril de 2019

    Vai trocar a embreagem de um câmbio desse e depois volta aqui para dizer se vale a pena? É um assalto!
    Não vale se é igual ou pouca coisa melhor que um automático convencional, principalmente os mais novos com 6 marchas

  • Avatar
    Mauro 12 de abril de 2019

    Melhor que um automático clássico??? …duvido!!!

    • Avatar
      Fábio 13 de abril de 2019

      Anda em um DCT e você vai ter certeza.

      • Avatar
        Josué 13 de abril de 2019

        Talvez seja mesmo melhor que um AT convencional ou um CVT, agora, quanto a confiabilidade e durabilidade, será?

  • Avatar
    Rogério Costa 12 de abril de 2019

    Bom dia Boris.

    Ótima matéria, mas uma informação importante, o DSG 7, da deu e continua dando muito problema.
    Já há casos do golf 2013/14 1.4 turbo que estão na 2a troca de mecatrônica…..de 30.000 em 30.000 km, o fato que corrobora essa falha é a troca gratuita efetuada pela VW mesmo após garantia.

    Abraços

  • Avatar
    Rogério Costa 12 de abril de 2019

    Bom dia Boris.

    Ótima matéria, mas uma informação importante, o DSG 7, da deu e continua dando muito problema.
    Já há casos do golf 2013/14 1.4 turbo que estão na 2a troca de mecatrônica…..de 30.000 em 30.000 km, o fato que corrobora essa falha é a troca gratuita efetuada pela VW mesmo após garantia.

    Abraços

    Prof. Rogério Costa

    • Avatar
      VINCE COHEN DE LARA 12 de abril de 2019

      BORIS FELDMAN é uma das lembranças mais agradáveis do Caderno de Veículos do Estado de Minas. Todo veículo que comprei primeiro via a opinião do Mestre.’. Há cinco anos não assino o Estado de Minas e foi uma alegria reencontrar o melhor colunista de Veículos do Brasil.

Avatar
Deixe um comentário