Livre comércio entre Brasil e México pode baratear o preço dos automóveis

"O acordo de livre comércio entre Brasil e México, firmado recentemente, envolve não só os automóveis, mas também autopeças"

Por Boris Feldman01/04/19 às 19h30

Um acordo bilateral de livre comércio de automóveis entre Brasil e México tornaria o valor dos carros mais acessíveis. E, como há vários carros que rodam por aqui vindos do México, essa seria uma ótima notícia, não é mesmo?

[TRANSCRIÇÃO]

Depois de algumas negociações, foi assinado recentemente entre Brasil e México, um novo acordo para o livre comércio de automóveis e autopeças entre os dois países. Este acordo bilateral eliminou, portanto, as cotas que existiam até então para a importação e exportação de automóveis e autopeças. O que sobretaxava todo o volume que cedia as tais cotas.

Esta isenção de impostos vai baratear o preço dos automóveis e autopeças que importamos do México. O que vai exercer uma pressão sobre as fábricas no Brasil. Elas, então, terão de reduzir o preço dos modelos que fabricam aqui. Bom demais, se fosse verdade. Além dessa mentira, você encontra várias outras do setor automotivo (clicando aqui!), em homenagem ao dia de hoje, 1º de abril 

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário