Honda Accord híbrido é confirmado para o Brasil

Anúncio aconteceu no Salão do Automóvel de Tóquio; modelo deve chegar às ruas brasileiras em 2020, mas ainda não teve preços revelados

Por AutoPapo 25/10/19 às 11h39

A Honda anunciou nesta sexta-feira, 25, no Salão do automóvel de Tóquio, a vinda do Accord híbrido para o Brasil. O sedã foi o modelo escolhido para estrear a motorização híbrida no país. Ainda no evento, a fabricante anunciou a opção mais ecológica do Honda Fit.

O responsável por confirmar a notícia do Honda Accord híbrido foi o presidente da marca para América do Sul, Issao Mizoguchi.

Equipado apenas com o motor a combustão, o modelo custa, por aqui, R$ 204.900. O preço da versão híbrida não foi revelado, mas certamente terá um reajuste considerável.

Nos Estados Unidos – de onde o Honda Accord híbrido deve ser importado – o motor 2.0 a gasolina combinado com os outros dois elétricos entrega 215 cavalos de potência e 32,1 kgfm de torque. De acordo com a marca, o sedã tem autonomia de 20,4 km/l.

honda accord hibrido

Pela configuração adotada para o sistema, não se faz necessário um conjunto de transmissão, sendo a conexão do motor a combustão com o eixo motriz controlada por um sistema de embreagem do tipo lock-up, com relação direta.

Com essa combinação, o Honda Accord híbrido pode rodar em três modos de uso: EV Drive, Hybrid Drive e Engine Drive, selecionados automaticamente de forma a obter a melhor relação entre desempenho e eficiência energética.

O modo EV Drive permite o uso 100% elétrico e zero emissão de poluentes. Já no modo híbrido, o motor a gasolina fornece energia para o motor elétrico gerador, enquanto o excesso de energia produzido é convertido em carga para o sistema de baterias de íons de lítio. No modo Engine Drive, o motor a combustão transmite diretamente para as rodas, permitindo a máxima eficiência de trabalho.

Espera-se que a versão trazida para o Brasil seja inédita. O Honda Accord híbrido versão Touring, comercializado nos EUA, conta com as seguintes tecnologias:

  • Head-up display;
  • Ar-condicionado digital de duas zonas;
  • Teto-solar;
  • Central multimídia com tela de 7″ compatível com Android Auto e Apple CarPlay;
  • Seis airbags;
  • Controle de cruzeiro adaptativo;
  • Assistente de permanência em faixa;
  • Frenagem automática de emergência;
  • Sensor de ponto cego;
  • Farol alto automático e
  • Alerta de tráfego cruzado.

Além de Accord e Fit híbridos, a marca deve trazer, até 2023, o CR-V que combina propulsores a combustão e elétricos.

Foto Honda | Divulgação

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 4,00 de 5)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Jorge 25 de outubro de 2019

    Parabéns Boris pelo comentário honesto e sinsero.

Avatar
Deixe um comentário