[Recall] Mercedes chama os modelos GLE e GLS por falha no freio

Unidades produzidas entre abril e junho de 2018 precisam sofrer a sangria do freio traseiro e a substituição do fluído hidráulico

Por AutoPapo14/09/18 às 12h40

A Mercedes-Benz anunciou, nesta sexta-feira, 14, o recall dos modelos GLE e GLS fabricados entre abril e junho de 2018. Assim como o Chevrolet Equinox, os veículos da marca alemã apresentam problemas nos freios traseiros.

De acordo com a Mercedes, foi constatada a possibilidade de as pinças dos freios traseiros dos GLE e GLS terem sido fabricadas fora da especificação técnica. O fato pode pode influenciar no desempenho do freio do eixo traseiro em frenagens de emergência, aumentando riscos de danos físicos e materiais aos ocupantes do veículos e terceiros.

Como solução, a marca apresenta a sangria do sistema de freio do eixo traseiro e a substituição do fluído hidráulico. O reparo dos modelos GLE e GLS deve ser agendado em uma concessionária da marca ou em uma oficina autorizada. Para fazê-lo, os donos devem ligar no telefone 0800 970 90 90 ou acessar a página de recall.

Veja os chassis dos GLE e GLS envolvidos:

GLE

  • Chassis: WDCED7EW4JA117053 a WDCDA2EW2JB160632
  • Data de Fabricação: abril e junho de 2018

GLS

  • Chassis: WDCDF2EW2JB136266 a WDCDF2EWXJB160203
  • Data de Fabricação: abril e junho de 2018

A Mercedes convocou os modelos GLE e GLS para recall dos freios traseiros. Unidades envolvidas no chamamento foram produzidas em abril e junho de 2018.
Foto Mercedes-Benz | Divulgação

No mês passado, a fabricante chamou os modelos ML, GL, GLE e GLS para recall por risco de incêndio. Os carros correm risco de pegar fogo por um vazamento de óleo no reservatório da suspensão ativa. Como solução, a marca ofereceu a substituição da vareta do nível de óleo no reservatório.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário