Cuidados com a direção hidráulica

Por BORIS FELDMAN08/05/18 às 06h50

A direção hidráulica ainda é um item presente em diversos automóveis novos, apesar do crescimento da direção elétrica.  Para manter tudo em ordem, é preciso tomar alguns cuidados afim de prolongar a sua vida útil.

[TRANSCRIÇÃO]

A maioria dos automóveis já conta hoje com o sistema de direção assistida, ou seja, ou tem um sistema hidráulico, ou elétrico para suavizar o esforço do motorista ao volante. O sistema elétrico é bem mais moderno e não exige cuidados especiais. Mas, o sistema hidráulico exige certos cuidados. Primeiro: conferir um nível do fluido do óleo dessa direção, porque pode estar havendo um vazamento e, além de completar o nível, tem que levar o carro à oficina para verificar por que o nível do óleo está baixando, e reparar este problema. Outro cuidado com a direção hidráulica é: não forçar o volante totalmente virado para um lado ou para o outro, como se diz chegando no batente. Porque esta é uma situação que se força ao extremo o circuito hidráulico, o que pode até provocar uma ruptura, um vazamento nesse circuito.

E, qual é o cuidado a se tomar? Basta evitar de virar o volante completamente. Quando ele chega no batente, volta um pouquinho para trás para diminuir a pressão do circuito hidráulico. Já os carros dotados de direção elétrica, não tem nem fluido para se conferir o nível, nem o problema de danificar o sistema quando se vira um volante totalmente para um lado ou para o outro.

A direção hidráulica

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário