Viagem de carro: confira dicas de manutenção e itens imprescindíveis

Apesar da ansiedade para chegar ao destino final, é comum encontrarmos veículos parados no acostamento; aprenda como deixar seu carro apto a pegar estrada

Por AutoPapo10/07/19 às 12h03

Você vai aproveitar as férias escolares para fazer uma viagem de carro com a família? Decidiu tirar uns dias para de folga com sua turma de amigos? Então confira os itens de manutenção periódica de seu automóvel.

É possível fazer uma “revisão de férias” em casa. O próprio motorista pode fazer a checagem do limpador de para-brisa, nível de óleo, pneus e freio, por exemplo.

O AutoPapo, com a ajuda da 123 Carros, ensina com fazer isso e ainda lista alguns objetos imprescindíveis para a segurança da família ou amigos em uma viagem de carro.

Pneus

Se estiver em mau estado, o pneu pode causar perda de aderência ao solo, provocando derrapagem ou aquaplanagem.

O ideal é que os sulcos estejam com, no mínimo, 3 mm de profundidade. Isso pode ver verificado por meio do TWI (sigla para Tread Wear Indicator), um ressalto perpendicular aos sulcos do componente.

Se o TWI estiver tocando o solo junto com a banda de rodagem, a vida útil chegou ao fim.

Vale lembrar que para garantir a segurança e a economia do veículo em uma viagem de carro, todos os pneus, inclusive o estepe, devem estar calibrados de acordo com as especificações indicadas no manual do veículo.

Atenção! Os pneus devem ser calibrados ainda frios. Na estrada eles se aquecem e mantam a pressão.

Além de checar a calibragem, é importante conferir se o componente está na validade. Sim, pneu tem prazo de validade: cinco anos a contar da fabricação. Depois desse tempo a borracha perde suas propriedades.

E como checar quando ele foi feito? Na lateral há uma marca com quatro dígitos. Os dois últimos indicam o ano e os dois primeiros a semana em que o componente foi produzido. Exemplo: 0616 significa sexta semana de 2016.

Todo condutor deveria checar certos itens de manutenção para fazer uma viagem de carro. Saiba quais são eles e os objetos imprescindíveis na estrada.
Imagem Continental | Divulgação

Limpadores de para-brisa

O limpador de para-brisas é um item fundamental para assegurar a visibilidade condutor sob chuva ou poeira. Por isso, é preciso verificar periodicamente se as palhetas estão em boas condições.

Basta conferir se as borrachas estão limpando corretamente o vidro, sem deixar frisos ou falhas na área de varredura. Também é conveniente checar se o encaixe das hastes está firme, evitando, assim, que o componente se solte durante a viagem de carro.

Mesmo se o lavador ainda estiver funcionando normalmente, é aconselhável verificar se o nível da água do reservatório não está muito baixo. Isso para evitar o risco de que o líquido se esgote num momento de necessidade.

É possível completá-lo até a “boca” sem problemas. Se quiser misturar a água a algum agente limpante, para aumentar o poder de lavagem durante a viagem, o motorista deve utilizar aditivo próprio para esse fim ou produto de PH neutro. É que detergentes mais abrasivos podem danificar a pintura do veículo.

Óleo do motor

O óleo lubrificante do motor precisa ser trocado em períodos de tempo e quilometragem determinados pela fabricante do carro, mas é comum que o nível desse fluido baixe um pouco. Por isso, esse item também requer verificação periódica.

Para verificar o óleo antes de uma viagem de carro, basta puxar a vareta ligada ao cárter e conferir se o óleo está no nível correto.

Se estiver no mínimo permitido ou abaixo, precisa ser completado, utilizando a tampa localizada no cabeçote do motor. Nesse caso, é necessário comprar um lubrificante com as mesmas características do que já está sendo utilizado no veículo.

Todo condutor deveria checar certos itens de manutenção para fazer uma viagem de carro. Saiba quais são eles e os objetos imprescindíveis na estrada.
Ilustração | AutoPapo

Freios

O sistema de freios é bastante complexo: em alguns casos, é formado por mais de 15 componentes (discos, pastilhas, lonas, cilindros, etc). Contudo, é possível notar indícios do mal-funcionamento a partir de tremores no volante ou ruídos no pedal, geralmente causados por pastilhas gastas ou discos empenados.

Se o pedal do freio estiver mais baixo do que o normal, pode ser que esteja faltando fluído: seu reservatório, geralmente localizado no sofre do motor, pode ser facilmente verificado.

Porém, se isso ocorrer, não faça a viagem no carro. O desnível é um sinal de que há um vazamento no sistema, uma vez que, em condições normais, o nível esse fluido não sofre oscilações.

Fluido de arrefecimento do motor

É muito fácil conferir o fluido de arrefecimento, pois o reservatório traz as gradações dos níveis mínimo e máximo. Para realizar a verificação, basta conferir se o líquido está entre elas.

Se estiver abaixo da marca indicada, o motor poderá aquecer durante a viagem de carro e sofrer danos graves. Também não é recomendado ultrapassar o limite máximo, pois o fluido precisa de espaço para dilatar quando atinge altas temperaturas.

Para completar o reservatório, o motorista deve usar água desmineralizada ou aditivo à base de etilenoglicol.

Faróis e luzes

Os faróis e lanternas do carro são extremamente importantes: mesmo que o carro não seja utilizado à noite, condições climáticas como neblina e chuva podem exigir iluminação, tanto para garantir que o condutor tenha boa visibilidade quanto para assegurar que o veículo seja notado por outros motoristas e também por pedestres.

Dese modo, verifique se todos fachos do farol (baixo e alto) estão funcionando corretamente, assim como as luzes de freio, de ré, de posição e as setas.

Para você que vai fazer uma viagem de carro, fica o lembrete: o uso de faróis baixos nas rodovias brasileiras é obrigatório mesmo durante o dia.

Outro detalhe é que, com os amigos e o porta-malas cheio, o peso do seu carro fica aumentado em cerca de 400 quilos. Com isso, a traseira do carro abaixa, a frente levanta e se faz necessária a regulagem de farol.

Abaixando o facho de luz, o motorista evita ofuscar, na estrada, à noite, a visão dos motoristas que transita no sentido contrário.

No vídeo abaixo, aprenda como regular o farol

Itens imprescindíveis para uma viagem de carro

Chave reserva

Já se foi o tempo em que qualquer chaveco resolvia o problema da chave perdida ou quebrada. Hoje, com a eletrônica, elas se sofisticaram e têm um chip interno. Carregue, então, a chave reserva consigo.

Lanterna

O pneu não fura só de dia. Para evitar ficar no escuro em uma viagem de carro, não se esqueça de levar uma lanterna dessas simples, de pilha.

Ferramentas

A maioria dos automóveis vem apenas com uma chave de roda. É conveniente ter mais algumas ferramentas para o caso de uma emergência.

Não precisa ter um estojo abarrotado de apetrechos: basta levar os instrumentos básicos, como alicate e chaves Philips, de fenda e de boca nas medidas mais comuns. A falta desses itens pode inviabilizar a viagem de carro.

Todo condutor deveria checar certos itens de manutenção para fazer uma viagem de carro. Saiba quais são eles e os objetos imprescindíveis na estrada.
Foto iStock | Reprodução

Mesmo que você não entenda de mecânica, alguém pode aparecer no momento da emergência precisando apenas da ferramenta certa para ajudar…

Carregador de celular ou bateria externa

Utilizar o celular ao volante é uma prática ilegal e insegura. Porém, a possibilidade de espelhar o aparelho na central multimídia do carro ou afixá-lo em suporte apropriado permite utilizar algumas de suas funções sem problema algum. Muitos motoristas já habituaram-se a usar aplicativos de navegação, como o Waze.

Em uma viagem de carro para locais desconhecidos, as rotas via GPS são extremamente úteis. Portanto, não arrisque ficar sem bateria em momentos cruciais. Leve consigo o cabo USB com o carregador ou uma bateria externa.

Vale lembrar que ficar perdido, além de tomar tempo, pode levar o motorista a transitar por locais perigosos.

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário