T-Cross PcD: tudo sobre as três versões com isenções

Acaba de ser apresentada a configuração do SUV com dispensa de ICMS, IPI, IOF e IPVA, mas outras duas opções possuem descontos específicos para o público

Por AutoPapo 06/11/19 às 17h21

A Volkswagen disponibilizará, para as pessoas com deficiência (PcD), uma versão do SUV T-Cross que atende os parâmetros da Lei 8.989, de 24 de fevereiro de 1995. Com valor fixado em R$ 69.990, a configuração será comprada pelo público pelo preço de R$ 57.630. Apesar do lançamento, outras duas opções são oferecidas com desconto da fabricante e isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Conheça melhor o T-Cross PcD.

Versões e preços do T-Cross PcD

Versão Valor comercial Preço para PcD
Sense AT R$ 69.990 R$ 57.630
Comfortline 200 TSI AT R$ 99.990 R$ 79.525*
200 TSI AT R$ 94.490 R$ 75.151*

* Preço com desconto Volkswagen e isenção de IPI

T-Cross Sense

O T-Cross PcD oficial, que é passível das isenções de IPI, ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) e IOF (Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou Relativas a Títulos ou Valores Mobiliários), tem como base a versão 200 TSI. Com o diferencial, claro, do câmbio automático.

A lista de equipamentos do T-Cross Sense é bem próxima às demais. O modelo oferece:

  • Seis airbags (frontais, laterais e tipo cortina);
  • Ar-condicionado;
  • Direção elétrica;
  • Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC);
  • Controle de tração (ASR);
  • Bloqueio Eletrônico do Diferencial (EDS);
  • Vidros elétricos nas quatro portas com função one-touch;
  • Travas elétricas;
  • Computador de bordo;
  • Chave do tipo canivete;
  • Banco do motorista com regulagem de altura;
  • Retrovisores elétricos;
  • Assistente de Partida em subida/descida (HHC);
  • Central multimídia Composition Touch (com tela de 6,5 polegadas, CarPlay e Android Auto);
  • Rodas de liga leve 16” (Design “Belmont“);
  • Faróis de neblina;
  • Volante multifuncional;
  • Luzes de uso diurno de LED.

Custando R$ 27 mil a menos do que a versão de entrada 200 TSI, a versão do T-Cross PcD perde:

  • Apoio de braço central;
  • Sensores de ré.

A mecânica é exatamente a mesma: 1.0 turbo de três cilindros que gera 128 cv a 5.500 rpm e 20,4 kgfm de torque a 2.000 rpm. O câmbio é automático de seis velocidades.

Na versão Sense, o Volkswagen T-Cross será oferecido nas cores Prata Sargas (metálica), Branco Puro (sólida) e Preto Ninja (sólida).

O T-Cross PcD não conta com opcionais, já que tem como valor total – sem as isenções de IPI, ICMS, IPVA e IOF – o teto estabelecido por lei.

T-Cross 200 TSI

Além dos itens de série, o T-Cross 200 TSI PcD tem faróis de neblina, iluminação em LED, rodas de liga leve de 16″, rack de teto, sensor crepuscular e sensor de estacionamento traseiro, saídas traseiras de ar-condicionado, descanso de braço central, piloto automático, mais dois alto-falantes, duas novas entradas USB, volante funcional em couro e shift paddles.

Opcionais do T-Cross 200 TSI PcD

A configuração possui como opcional o pacote Pacote Interactive II, que entrega câmera de ré, espelhos retrovisores externos elétrios e rebatíveis com função tilt-down no lado direito, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros.

T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

A configuração mais cara do T-Cross PcD ganha banco do motorista com ajuste da lombar, câmera de ré, rodas de liga leve de 17″, porta-malas com sistema de ajuste variável de espaço, sistema de frenagem automática pós-colisão, indicador de controle de pressão de pneus e sensor de estacionamento dianteiro.

volkswagen t cross 200 tsi comfortline

Opcionais do T-Cross Comfortline

  • Exclusive II & Interactive, com painel digital, acesso ao veículo sem o uso da chave e botão para partida do motor, sistema de infotenimento com tela de 8″ sensível ao toque, navegação e comando de voz, seletor do modo de condução, iluminação ambiente em LED e retrovisores externos eletricamente rebatíveis.
  • Design View: cabine com faixas bi-color na cor marrom e bancos revestidos em couro;
  • Sky View II: teto solar panorâmico, retrovisor interno eletrocrômico e limpador de para-brisas com temporizador.

Consumo

O consumo do motor 1.0 turbo do T-Cross (PcD) automático com gasolina é de 11 km/l na cidade e 13,5 na cidade – combinado 12 km/l. Com etanol é de 7,6 km/l na cidade e 9,5 km/l na estrada – combinado 8,4 km/l.

A Volkswagen afirma que aferiu o gasto de combustível seguindo as normas técnicas estabelecidas pelo Inmetro.

Dimensões do T-Cross PcD

  • Entre-eixos: 2,651 m
  • Comprimento: 4,199 m
  • Altura: 1,568 m
  • Largura: 1,750 m
  • Porta-malas do T-Cross tem capacidade entre 373 e 420 litros, dependendo do ajuste do encosto do banco traseiro.

Manutenção

A Volkswagen repete com o T-Cross a mesma estratégia já utilizada em outros lançamentos para o pacote de revisão. As três primeiras revisões do T-Cross PcD são gratuitas. Depois, o custo total das revisões do novo SUV da Volkswagen até os 60 mil km é de R$ 2.001.

Fotos Volkswagen | Divulgação

29 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Francisco 10 de março de 2020

    O pessoal fica chorando dando de fan boy de marca, não tem, não é o mais completo não compra…simples assim. A vw que corra atrás. O primeiro comentario: o melhor do segmento! Comentários de viúva da marca. O mais completo do segmento são cactus 2008 e Renegade. Os demais são pelados. O que poderia ser o melhor e tinha tudo para isso preferiu ser uns dos mais pelados que é o da nissan, não tem piloto, rodas de ferro, cor branca so, não tem nada o carro. Sou curto e grosso. Ou fornece o melhor ou seja o pior. Não vivo de tradição.

  • Avatar
    Antonio 3 de fevereiro de 2020

    Sinto-me entristecido com a Volkswagen, a saber: preço 69.900,00 pcd 57mil e tal (desrespeito total aos descontos estabelecidos), não acreditando vejam os outos pcd’s; tiram inúmeros e inúmeros acessórios de gosto e que trazem conforto aos que sem se aperceber, compram, observem esses detalhes nos outros.
    Teria aqui mais e mais posicionamento, insistem em aumentar o valor de 70.000,00, qual o intuito? Respondo ganharem mais. O ICM SMJ não é 18% o IPI SMJ 10% total 28% (façam as contas 69.900,00 menos 28% dá 57 mil e tal?…. mas desgastar-me será somente o que lucrarei pois aqui ninguém respeita. É um pecado mas creio tenho fé que bolsonaro tomará conhecimento.

  • Avatar
    Felipe 12 de janeiro de 2020

    Hoje fui na convencionaria e adorei esse carro. Comparado aos demais carros PCD com os preços aproximandos, esse foi o melhor custoxbeneficio.

  • Avatar
    milton arthur junior 9 de janeiro de 2020

    acho um absurdo esse goeverninho de b., nao ajustar o valor pra carros pcd, pois este vaçlor esta a seis anos ja,… uma bbbbb.

  • Avatar
    Ivan Saucedo 9 de janeiro de 2020

    É uma boa opção, mas nao ter piloto automático num carro desse nível é um pecado.

  • Avatar
    ROGERIO SERGIO FERRARI 31 de dezembro de 2019

    T-cross sense tinha que ter a mais no veículo o sensor de ré, piloto automático e encosto de braço pra facilitar o cliente PCD,pra ficar melhor para o deficiente.

  • Avatar
    Carlos Alves 28 de dezembro de 2019

    Bom dia a todos,a VW consegui passar uma rasteira nas concessionárias e clientes,agora retirou as três revisões grátis da TCross Sense,vamos ver o que mais vem por ai até a chegada do veiculo nas concessionárias.

  • Avatar
    Nelson 12 de dezembro de 2019

    Sem piloto automático desisto do t cross e vou pro Jeep renegade ou pro Kick da Nissan ainda mais que esses sim são suvs, minha preferência.

  • Avatar
    Nelson 12 de dezembro de 2019

    Pra mim o T cross não serve porque não vai com piloto piloto automático, e não abro mão desse ítem.

  • Avatar
    José ramilson Pereira da Silva Lima 4 de dezembro de 2019

    Eu gostei

  • Avatar
    José ramalson Pereira da Silva Lima 4 de dezembro de 2019

    Eu gostei

  • Avatar
    Ivan Fernandes Veiga 28 de novembro de 2019

    O modelo Sense (PCD) do T-Cross só estará disponivel a partir de dezembro. Não dá para vê-lo antes disso.

  • Avatar
    NELSON SQUASSONI FILHO 18 de novembro de 2019

    Estou comprando um T Cross sense, esse modelo não vêm, ou não está habilitada a função do piloto automático, é possivel ativar a função original ou instalar um piloto automático? Como fazer? Agradeço pela atenção.

    • Avatar
      Luciano 21 de dezembro de 2019

      Não vem e não é possível instalar. Pedi a minha semana passada, vendedor que me informou.

  • Avatar
    Grazi 16 de novembro de 2019

    Absurdo. O público PCD não tem direito a pagar os opcionais que deseja ter nos carros?

  • Avatar
    Lan Bert 14 de novembro de 2019

    1-Por desconhecimento ou maldade , tem quem faz críticas às isenções, sem saber inclusive dos preconceitos que sofrem os deficientes. 2-Uma mulher mastectomizada, um pai com filho autista, um surdo mudo ou qualquer outras mais 27 deficiências inclusive cadeirantes, sempre são vistos com desconfiança quando estacionam e ficam sujeitos a olhares ou perguntas humilhantes.
    3-Por conta desse bullying , sugiro que mudem o símbolo. O atual é muito discriminatório e preconceituoso.
    4-Ninguém quer nem escolhe ser PCD.
    Precisamos sim é de carro com toda tecnologia e não faltando ou subtraindo.
    5- Há necessidade que seja mudado imediatamente o valor para muito mais e não restrito só a 70 mil, congelado há anos, viu Sr Alckmim?
    6- Em termos de arrecadação não faz diferença alguma para as Receitas Estaduais ou Federais. Zero x 200= ZERO. Por sinal, se liberado, após 2 anos será arrecadado muito mais de IPVA, pelos segundos proprietários em diante, sem contar que as tecnologias serão aprimoradas.
    7-Ê só pensar um pouco, e o Poder Público prestará um relevante serviço a essa população carente e discriminada!!!

    • Avatar
      DINEi Rodrigues 12 de dezembro de 2019

      EXCELENTE COMENTÁRIO LAN BERT !!
      CONCORDO PLENAMENTE, SOMOS DESCRIMINADOS, POIS NÃO SOU CADEIRANTE , MAS POSSUO DEFICIÊNCIA E QDO PARO O CARRO EM ALGUMA VAGA, PESSOAS VEM ATÉ EU E PERGUNTAM PORQUE ESTOU PARANDO ALI ! 😳 É MUITO CONSTRANGEDOR TER QUE DAR EXPLICAÇÕES PARA DESCONHECIDOS.
      REALMENTE PODERIAM SIMBOLIZAR NOSSA CLASSE , DIZENDO ASSIM…. COM UM ADESIVO BEM MELHOR E ACEITÁVEL AOS OLHOS DOS DESCONFIADOS.

  • Avatar
    Cleidiomar Caires 11 de novembro de 2019

    Puta Mancada da VW no Sense PCD tirou o Piloto automático todo mundo quer esse item no carro automático, padle shift dá pra viver sem de boa ! Mas o descansa braço, tampão do porta malas e saída de ar condicionado traseiro foi outra sacanagem preferia perder o multimídia ou as rodas de liga leve.

  • Avatar
    Carlos Caetano 10 de novembro de 2019

    A VW de novo detonando o cliente fiel a marca. Quem comprou Pólo e Virtus Sense? É lucro a todo custo. Respeito ao cliente zero.

  • Avatar
    Carlos Caetano 10 de novembro de 2019

    A VW de novo detonando o cliente fiel a marca. Quem comprou Pólo e Virtus Sense. É lucro a todo custo. Respeito ao cliente zero.

  • Avatar
    Rogerio Santos Fonseca 9 de novembro de 2019

    As informações contidas sobre os equipamentos do T Cross estão equivocadas. Não vem com sensores de estacionamento, não tem saída de ar traseiro,não tem tomada USB traseira. E o forro do teto é branco.

    • Avatar
      Josivaldo 20 de março de 2020

      Realmente não vêm com senssores de estacionamento mas com uma boa conversa na concessionária tudo pode mudar.

  • Avatar
    tiago Portugal 8 de novembro de 2019

    fui na concessionária ver, achei uma boa opção PCD

    • Avatar
      Ivan Fernandes Veiga 28 de novembro de 2019

      Tiago Portugal, onde você viu esse modelo? Pelo que soube ele nem existe ainda. Só em Dezembro será entregue e ai sim poderá ser visto.

  • Avatar
    Antonio 6 de novembro de 2019

    Tem certeza que tem sensores de ré na versão PCD?

    • Avatar
      Rogerio Santos Fonseca 8 de novembro de 2019

      Não vem com sensores e apoio de braço. Nem saída de ar traseiro nem tomada USB traseira.

  • Avatar
    Luiz 6 de novembro de 2019

    Pode refazer a matéria, essa lista do T Cross Sense está toda errada.

    • Avatar
      Andre bezerra 9 de novembro de 2019

      Eles falaram itens do 2 carro . Nao e o sense nao. Prestem atenção

    • Avatar
      cláudio bruno 15 de novembro de 2019

      Sinto, vc não soube interpretar!

Avatar
Deixe um comentário